SHARE

Circo Tihany em Jundiaí/Divulgação

Em turnê na cidade desde o começo de maio, o Circo – que é um dos três maiores do mundo – distribui convites gratuitos para que entidades assistenciais e escolas públicas da região assistam ao espetáculo Abrakdabra. Hoje, sexta-feira, na sessão das 16h30, serão atendidas seis APAEs, além de escolas e duas entidades.

O Circo Tihany – maior da América Latina e um dos três maiores do mundo – tem concedido milhares de ingressos gratuitos todas as semanas para atender entidades assistenciais e escolas públicas da região de Jundiaí. Na sessão de hoje (sexta-feira, 24 de maio), às 16h30, receberão ingressos gratuitos mais de 1.000 pessoas atendidas por APAEs – Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais – de seis cidades da região (Jundiaí, Francisco Morato, Franco da Rocha, Jarinu, Piracaia e Várzea Paulista), além de alunos da Escola Estadual Deolinda Copelli de Souza Lima e crianças da Casa Naim, de Salto, e do projeto SEEI – Social Esportivo Educacional Idealista, da Polícia Militar.

“O objetivo do Circo Tihany é promover a revitalização da arte circense e a formação de novos públicos”, explica Edilthon Lins, produtor do Tihany. As entidades assistenciais interessadas em participar deste projeto devem encaminhar ofício à equipe de produção, aos cuidados de Paola Roveri, pelo e-mail paola.tihany@gmail.com.

O Tihany vem fazendo grande sucesso em Jundiaí. O Circo deve permanecer na cidade por curta temporada. As sessões são de terça a domingo (de terça a quinta, às 20h30; sextas e sábados, às 16h30 e às 20h30; aos domingos, às 16h e às 19h30). Os preços dos ingressos variam de R$ 50,00 (R$ 25,00 meia-entrada) na plateia lateral, até R$ 130,00 (R$ 65,00, meia) nos camarotes VIP.

Em cartaz há 15 anos, o show conta com centenas de artistas internacionais e já percorreu os Estados Unidos, México, Guatemala, El Salvador, Nicarágua, Costa Rica, Venezuela, Paraguai, Argentina e Uruguai. No Brasil, o Tihany se apresentou nas principais capitais e cidades na primeira turnê e, agora, deverá privilegiar cidades que ainda não foram contempladas.

Com 65 anos de trajetória, o Tihany não é um simples circo. Sua lona, no formato de um castelo, abriga um imenso teatro com capacidade para mais de 1700 pessoas. Não há arquibancadas, mas confortáveis cadeiras estofadas com veludo vermelho. Em vez de picadeiro, os artistas apresentam-se em um palco de 700 m², com nove cenários temáticos.

Tudo é grandioso e fascinante. A estrutura precisa de um terreno de, no mínimo, 17 mil m² para ser montada. Só de fachada são 90 metros iluminados por mais de 40 mil lâmpadas. A entrada do público é feita por meio de um túnel com paredes espelhadas, piso carpetado e lustres suspensos. O lobby bar parece um cassino. A sala de espetáculos é climatizada. Há rampas para a total acessibilidade aos portadores de necessidades especiais.

 

LEAVE A REPLY