SHARE
Em seu melhor ano, Ministério do Turismo assegura orçamento de mais de R$ 1 bilhão para suas ações ao longo do ano
 

Para encerrar o melhor ano do turismo brasileiro, o Ministério do Turismo comemora mais uma importante vitória. A aprovação do orçamento com um valor quase cinco vezes maior do que previa a proposta original, de R$ 209,2 milhões. Em 2020, a Pasta contará com o montante de mais de R$ 1 bilhão que será destinado às ações e programas para o desenvolvimento do setor. Trata-se de um dos maiores orçamentos dos últimos 5 anos. Com isso, iniciativas já trabalhadas pela Pasta, como o Fungetur, o Prodetur+Turismo e as obras de infraestrutura terão mais recursos para impulsionar ainda mais o crescimento do Brasil.

O ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, comemorou o salto do orçamento para o ano que vem, e destacou a importância desse recurso para a estruturação dos destinos. “Investir no Turismo é investir na economia, é gerar emprego e renda para a nossa população. Mais recursos significam mais ações que poderemos financiar e estruturar os nossos atrativos turísticos. O ano de 2019 foi um ano de importantes conquistas e em 2020 deveremos avançar ainda mais. Vamos juntos transformar o turismo do Brasil”, celebrou.

O recurso aprovado é fruto da articulação de Marcelo Álvaro Antônio com parlamentares e membros do poder executivo. No segundo semestre, o ministro se reuniu com coordenadores das bancadas no Congresso Nacional das regiões Norte, Nordeste, Centro-Oeste, Sul e Sudeste. Entre os objetivos destes encontros estavam a promoção da integração entre Legislativo e Executivo para uma maior sinergia na alocação de recursos no setor. “Houve um reconhecimento do Parlamento sobre a importância do turismo para a recuperação econômica do nosso país”, avaliou Lia Noleto, chefe da assessoria parlamentar do MTur.

O Turismo é um dos setores com maior crescimento no país. Apenas no mês de julho, a atividade cresceu 3,4% e gerou mais de 25 mil empregos. Só no setor de cruzeiros marítimos foram movimentados mais de R$ 2 bilhões na última temporada, gerando mais de 30 mil postos de trabalho. O Turismo de Negócios também registrou bons resultados com alta de 14,7% no primeiro semestre de 2019.

Com mais recursos para 2020, a Pasta espera gerar mais empregos, promover a conectividade dos modais de transportes, dobrar o número de turistas estrangeiros, ampliar em 40 milhões o número de brasileiros conhecendo o país e mais que triplicar a arrecadação com o turismo internacional. 

LEAVE A REPLY