SHARE

Melhora é resultado da comercialização para a data da Black Friday, que movimentou a última semana de novembro de 2019, e ainda pela redução da taxa de juros

Dados do Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC) de novembro de 2019 mostram uma tendência de recuperação de vendas do Varejo de 6,93% frente a outubro deste ano, e 1,10% frente a outubro de 2018. Essa melhora foi motivada pelas vendas da Black Friday, que movimentaram a última semana de novembro de 2019, e que foram aquecidas também pela alteração da taxa de juros, que se reduziu, incentivando os consumidores a adquirirem mais mercadorias a crédito, significando uma uma expansão de 10,02% nas compras a prazo (novembro/outubro de 2019).

A movimentação em Campinas e Região da Black Friday foi de R$ 480 milhões, correspondente à utilização de 797.300 tickets médio (R$ 602,00/ticket).

Em Campinas, coube a movimentação de R$ 216 milhões com a utilização de 358.800 tickets médios.

Inadimplência

A inadimplência em Campinas ficou em 1,50% abaixo em relação ao acumulado de janeiro a outubro de 2019, apresentando 222.870 carnês/boletos vencidos e não pagos há mais de 60 dias, representando cerca de R$ 160,5 milhões no endividamento das famílias campineiras.

Na Região Metropolitana de Campinas (RMC), a inadimplência apresentou no mesmo período (jan. a nov.) de 2019, 530.643 carnês/boletos vencidos e não pagos há mais de 60 dias, representando R$ 382,1 milhões no endividamento das famílias da RMC.

“Os dados de novembro, aparentemente, refletem a pequena melhora nos indicadores macroeconômicos, como juros e inflação em queda, produção e consumo em elevação, o que faz prever um crescimento entre 4,50% a 5,50% das vendas do final deste ano, bem acima dos 2% registrados no ano passado”, comemora o economista da ACIC. Laerte Martins.

 

LEAVE A REPLY